Aterro pela primeira vez em Mozambique!
É tudo espectacular, parece mesmo que estamos dentro de um filme! Foi esta a sensação que tive ao chegar a Africa. É tudo tão diferente do que conhecemos. Realmente só me lembro de ver algo parecido em filmes, dai a sensação de estar num filme ( penso eu).
Já cá estou, ou ainda só cá estou, há 15 dias, mas o tempo aqui confunde-nos. Parece que já passou imenso tempo desde o primeiro dia mas ao mesmo tempo parece que cheguei ontem, não dá bem para explicar…

Entretanto nestes 15 dias já se fez algum trabalho. Aos sábados vamos a escola de Coalane para trabalharmos com os externos. Eu vim fazer uma avaliação nutricional iniciada em 2008 pela Leticia e Ismenia ( duas voluntarias ) portanto peso-os, meço-os e faço uma pequena entrevista ás mamas sobre aquilo que os filhos comem, sendo esta o meu maior desafio porque muitas vezes elas dizem os nomes dos alimentos em chuabo ou não percebem bem o que eu digo .Afinal eu sou uma pessoa nova e estou, mais ou menos , a avalia-las.
Na casa esperança este trabalho e facilitado porque as crianças vivem lá e portanto e só ir ter com eles. E como comem todos o mesmo e acompanhámos as suas refeições é mais fácil avaliar o tipo de alimentação e sua respectiva avaliação nutricional .
Tirando isto vou dando uma ajuda no que for preciso, explicações, brincadeiras, agora a marta esta a fazer uma cartolina com os aniversários deles,etc.
Quanto à experiencia nem consigo dizer muito…é um máximo! Eu tentei sempre não imaginar como seria. Agora que aqui estou posso dizer as diferenças estão em pequenas coisas do nosso dia a dia porque no geral, a casa Esperança é muito parecido com um orfanato em Portugal. Nota-se muito quando se sai de casa. Por exemplo, nos primeiros dias eu tinha algum medo de sair a rua (agora até já vou sozinha ao mercado, se for preciso ). Tomamos banho de agua fria, as vezes falta a luz, bebemos agua só depois de ser fervida… As crianças são crianças. Ainda não os conheço a todos bem e nem sei se vou chegar a conhecer. Há sempre aqueles mais extrovertidos e os menos, mas são todos incríveis ( apesar de alguns terem uma personalidade muito própria :p ).Acho que começam agora a ganhar mais confiança em mim e apesar de ter passado pouco tempo noto que estão mais a vontade comigo.
Definitivamente para repetir!
Mil beijinhos e algumas saudades 😛
‘See you soon’

2 Responses to Finalmente, Moçambique!
  1. Ana,
    que inveja saudável, claro!!!! Aiiiii…
    Que mensagem de incentivo nos estás a deixar:) Dá-nos força para aqui continuarmos o trabalho… de bastidores!

    Beijinho mto grande pra todas,

    Ângela (Voluntária)

  2. Olá Ana!

    Sabíamos que,apesar de tão novinha, darias conta do recado… Parabéns!

    É mesmo isso:definitivamente para repetir… é impossível não se sentir assim! Pena ser tão longe 🙁

    Compreendemos a sensação de "entrar dentro de um filme" porque quando aí estivemos também partilhamos esse sentimento: sentimo-nos como figurantes no filme "O Fiel Jardineiro"!

    É uma sensação única!!!

    Jamais esquecerás esta experiência.

    Força para ti e, no momento da partida, lembra-te que deste lado do mundo terás muitos braços amigos abertos para te receber…

    Muitos jinhos e abraços para as nossas quatro meninas, para os nossos meninos, para as tias e Evaristo e para a Irmã Lídia das

    Sisters


[top]

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.